giovare

Pensando num meio de manter organizado os objetos diários dentro das bolsas, os designers da Giovare criaram a mais nova clutch direcionada para esse objetivo. A idéia veio de uma situação que um dos próprios designers enfrentou, que estava em viagem e percebeu que seus pertences estavam desorganizados e jogados dentro da bolsa, onde até mesmo encontrar o seu par de fone de ouvidos era difícil!

Confeccionado com grãos de couro Nappa e materiais de alta qualidade, a clutch bag possui um interior dividido por compartimentos que permitem que o consumidor, seja profissionais de trabalho ou viajantes, seja o mais criativo e organizado possível para manter seus objetos e utilitários em ordem.

Assista o vídeo: https://www.youtube.com/watch?time_continue=136&v=J4wFhip-Tcg

Compartilhe:

    No início do mês de maio, a rede social Instagram mudou a sua logo e com isso inspirou diversos artistas a interpretarem criativamente essa nova logo. Usando materiais diversos como utensílios domésticos, frutas, flores e peças de lego, as imagens foram formadas à semelhança do logotipo de modo rústico.

    Publicadas com a hashtag #myinstagramlogo na legenda, as imagens da re-criação da logo do Instagram se tornou esteticamente agradável e divertida, além de ter se tornado uma ferramenta de marketing livre para a própria mídia social.

    1 4 2 3

    Compartilhe:

      A marca brasileira de moda íntima Duloren criou a campanha #semsaltosemdor, divulgada também pela hashtag #divaduloren, no intuito de dar fim à regra social de que as mulheres devem usar salto alto para estarem elegantes. Defendendo a ideia de que toda mulher tem o direito de usar o calçado que quiser e quando quiser, a marca apoia que as mulheres devem ter as suas próprias regras.

      Em Londres, uma recepcionista foi suspensa do trabalho porque se recusou a usar salto alto durante o expediente de 9 horas. Outro caso foi a foto de uma garçonete no Canadá que estava com os pés machucados e sangrando após usar salto alto no trabalho, cuja política a obriga usar o calçado o turno inteiro. Além de casos como esses divulgados na mídia, atrizes renomadas foram descalças no Festival de Cannes no último final de semana. Julia Roberts, Kristen Stewart e Sasha Lane fizeram parte do movimento, que era uma forma de protesto em defesa das mulheres que foram impedidas de entrar no Festival do ano passado porque usavam sapatos sem salto.

      “Estamos sempre atentos a tudo que está acontecendo ao redor do mundo feminino e levantamos a bandeira da autoestima e da autovalorização da mulher. A Internet é a nossa principal ferramenta hoje em dia e precisamos defender o que acreditamos”, afirma Denise Areal, diretora de marketing da empresa. A nova campanha de mídias sociais é criação da agência BTG Performance e Comunicação Digital.

      IMG-20160517-WA0013

      Compartilhe:

        A designer gráfica polonesa Olga Wójcik deu uma nova versão aos Simpsons, a família da série norte-americana do canal Fox. Homer, Marge, Bart, Lisa e a pequena Maggie, que vivem uma paródia satírica do estilo de vida da classe média dos Estados Unidos, agora são estilosos e sneakerheads, adeptos da cultura urbana Sneaker (do inglês, tênis).

        Marcas como Yeezy Boost, HUF, Pigalle, Supreme, Yeezy Season 3 e OCB foram as escolhidas pela designer para dar essa streetwear makeover aos personagens. As ilustrações estão no Instagram de Wójcik: https://www.instagram.com/machonis/

        olga1 olga3 olga4 olga6 olga2

        Compartilhe:

          met-gala-dress

          A atriz Emma Watson foi ao tradicional baile de gala do museu Metropolitan, que marca a abertura da exposição anual do Costume Institute, realizado na última segunda-feira (dia 2), em Nova York, com um vestido produzido de maneira totalmente sustentável. Feito de garrafa pet e outros materiais reciclados, o projeto foi uma colaboração entre a Calvin Klein e a Eco-Age, uma consultoria de marca.

          O vestido de alta costura foi projetado com materiais que estavam sob medida, ecológicos e sustentáveis, utilizando tecidos orgânicos e plástico reciclado, feito de três tecidos diferentes e todos os fios da costura feitos de garrafa pet. O zíper do vestido também é feito de material reciclado e o algodão e a seda utilizados nas partes internas foram produzidos sem o uso de produtos químicos. Além disso, o próprio vestido poderá ser reaproveitado, podendo separar as peças em novos looks.

          Compartilhe:

            Zoe Buckman é a designer responsável pela exposição de arte Every Curve, que apresenta peças delicadas de lingerie bordadas com frases de famosas músicas de rap. Exibida no museu Papillion Art em Los Angeles, as peças são femininas e de seda, criando um contraste com a dureza das letras das músicas dos anos 90 dos rappers Tupac e Biggie, criando uma justaposição entre as energias masculina e feminina.

            A exibição foca apenas em roupas íntimas vintage, com cinta liga e meias 7/8. As peças são simples e a própria designer bordou as frases. A suavidade das lingeries, algo íntimo, e a intensidade das músicas escolhidas chamam a atenção dos espectadores para desconstruir a feminilidade, assim como o corpo.

            http://www.papillionart.com/

            lingerie lingerie2 lingerie4

            Compartilhe:

              A marca Atelier New Regime, criada em 2009, abriu a sua primeira boutique em Montreal. De estilo street wear, igual à identidade da marca, o interior da loja é praticamente todo laranja, com um dispositivo de luz em forma de tubo retangular no teto. Além das paredes, o espaço dispõe de luminárias também laranjas. A loja se encontra no bairro St. Henri e foi toda construída em aço.

              Criada pelos irmãos Koku e Gildas Awuye e Seitz Taheri, a marca canadense é empenhada em redefinir a experiência do cliente através da qualidade do seu produto, apresentação e estilo de vida. Voltada para o público masculino, a Atelier New Regime tem crescido e evoluído um movimento artístico cujo objetivo é de se expressar através da moda.

              ANR1 ANR3 ANR2

               

              Compartilhe:

                A revista bianual So It Goes Magazine publicou um editorial de espírito hippie com a atriz nova-iorquina Lola Kirke, em sua sétima edição. Com longas madeixas e depilação por fazer, o editorial também apresenta uma vibe retrô através das peças e cores escolhidas, que remontam a era do amor, drogas e a geração das flores.

                Fotografado por Toby Knott e estilo por Liz McClean, Kirke usa uma mistura de peças vintages de coleções da primavera deste ano, servindo de inspiração para o verão que se aproxima para os países do Hemisfério Norte. Além disso, o editorial também abrange os looks dos anos 70 que muitas mulheres atualmente continuam a adotar no seu dia a dia.

                1 2 4 5 3

                Compartilhe:

                  A revista alemã Myself Magazine, publicou um editorial mágico e delicado como inspiração para as mulheres se vestirem mais românticas. Produzido em um cenário no deserto, em Joshua Tree, na Califórnia, a modelo Sarah Deanna apresenta looks de tecidos finos, misturados com a mais recente coleção de primavera de lingerie dos países do Hemisfério Norte. Os sutiãs, as saias e as sedas são das grifes Dior, Miu Miu e Dries van Noten.

                  O editorial foi fotografado por Daniella Midenge, a beleza pela hair stylist Sascha Breuer e foi produzido por Theresa Pichler, Diretora de Moda da revista, produtora e stylist. A Myself Magazine foi lançada em 2005 pela editora Condé Nast e é uma revista mensal.

                  myself1 myself2 myself4 myself3

                  Compartilhe:

                    1

                     

                     

                     

                     

                     

                     

                     

                     

                     

                     

                     

                     

                     

                     

                     

                     

                     

                    Em fevereiro do ano passado, a preocupação com a moda fez com que um grupo de profissionais da área se reunissem para pensar sobre o seu futuro. Renata Abranchs, do Rio Etc e Bureau de Estilo, Ana Wambier e Daniela Sabbag, da Wasabi, Daniela Frazão, da Casa XX, o apresentador e estilista Caio Braz e o fotógrafo Raul Aragão, fundaram o espaço Malha. Destinado para estilistas, jornalistas, fotógrafos, stylists, artistas, designers, empreendedores e consumidores, o espaço servirá como plataforma para os profissionais trabalharem com uma moda focada em movimentos contemporâneos, no comércio justo, na produção local, na economia colaborativa, na sustentabilidade e na tecnologia.

                    Com o lema “o justo é o novo preto”, a Malha é o primeiro projeto de uma Fashion Lab no Brasil e está localizada em São Cristóvão, coração da moda carioca e polo nacional de produção e grandes marcas. O galpão de 1.800m² vai reunir escritórios de marcas, estilistas e criadores, maquinário completo para produção, laboratório de inovação, escola, showroom, praça interna, estúdio fotográfico e café. O projeto é uma iniciativa de Herman Bessler, fundador e CEO do Templo, o primeiro espaço de coworking criativo do Rio, e André Carvalhal, escritor, professor e gerente de marketing da FARM.

                    Além dos escritórios e pontos compartilhados para trabalhadores individuais, a Malha também vai oferecer cursos, palestras, workshops e showrooms voltados à área de Estilo e Negócios de Moda. A ideia é que as pessoas compartilhem propósitos, ideias, ferramentas, conhecimento e façam conexões.

                    Espaço Malha
                    Rua Conde de Leopoldina, 644 – São Cristóvão
                    Rio de Janeiro, RJ
                    Telefone: 21 3988 3544

                    Compartilhe: